Ambientes Virtuais de Colaboração em CAD

Palavras-chave: CAD distribuído - Grafos Estendidos de Restrições - CORBA

Jaderson Trierweiler

Paulo César Rodacki Gomes (Orientador)

(Departamento de Sistemas e Computação - Centro de Ciências Exatas e Naturais - Universidade Regional de Blumenau)

(INTRODUÇãO) Este trabalho trata de Ambientes Virtuais para o trabalho colaborativo em sistemas de projeto auxiliado por computador (CAD – Computer Aided Design), onde os projetos se desenvolvem de modo cooperativo e concorrente, através da construção de um protótipo virtual completo (ou maquete eletrônica). Isto requer uma arquitetura de CAD onde atributos dos objetos gráficos são interligados por relações não-lineares em um ambiente distribuído. (Objetivos) Tendo em vista este contexto, os Grafos Estendidos de Restrições (ECGs) são estruturas de dados dinâmicas provêm solução efetiva para o tratamento de restrições não-lineares em grafos cíclicos. O principal objetivo deste trabalho é propor uma arquitetura de software que implemente o mecanismo de tratamento de restrições em ECGs. (Metodologia) Este trabalho foi realizado em três etapas: (1) revisão bibliográfica sobre prototipação virtual distribuída, sobre ECGs e sobre as tecnologias disponíveis para implementação de sistemas distribuídos, notadamente a linguagem de programação Java e o padrão CORBA; (2) modelagem de uma arquitetura de software para implementação de um ECG cujos vértices são atributos numéricos (representando atributos de objetos gráficos 3D) e arestas representam relações aritméticas não-lineares entre estes atributos; e (3) implementação da arquitetura proposta. (RESULTADOS) A natureza dinâmica do processo de projeto de artefatos em CAD exige que as relações entre atributos seja determinada durante o próprio processo de criação da maquete eletrônica. Para tratar desses processos, é necessário um algoritmo online na resolução do sistema de restrições, sua implementação requer a definição das relações entre atributos em tempo de execução. Isto foi feito através da definição de uma gramática para estabelecimento das restrições e posterior implementação em linguagem Java de um interpretador desta gramática. O vértices do grafo podem estar localizados em computadores distintos, interligados em rede. Para resolução dos sistemas de restrições, estes vértices se comunicam através de mensagens CORBA. (CONCLUSÃO) Pode-se concluir que o problema de resolução de sistemas de restrições distribuídas em grafos é complexa e o desenvolvimento de arquiteturas eficientes ainda é um tema aberto a pesquisa. O propósito dos ECGs não é encontrar uma solução ótima para um sistema de restrições, mas sim prover uma análise de sensibilidade qualitativa entre as variáveis do sistema. O presente trabalho apresentou uma arquitetura simples, porém bastante funcional sob o aspecto da implementação de um interpretador de código para o estabelecimento dinâmico de relações entre atributos de um sistema de restrições distribuídas baseado na linguagem Java e no padrão CORBA para objetos distribuídos, espera-se assim ter contribuido para o andamento das pesquisas nesta área. (CNPq/PIBIC – FURB/FUNAPES)