Facebook Twitter Imprimir

PRESS-RELEASE


26/02 - Edital traz bolsas de mestrado e iniciação científica para inovação


O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), por meio do Programa de Mestrado e Doutorado Acadêmico para Inovação MAI/DAI contemplou a Universidade Regional de Blumenau (FURB) com edital para apoio a sete projetos desenvolvidos junto aos programas de pós graduação (PPG) em Engenharia Química, Engenharia Elétrica e Química.
 
Cada projeto deverá contar com o envolvimento de um aluno de mestrado, dois bolsistas de iniciação tecnológica, um representante da empresa e um professor da FURB vinculado ao respectivo PPG. Por meio do edital PROPEX N° 02/2021 – Programa de Mestrado e Doutorado Acadêmico para Inovação MAI/DAI, a Universidade vai selecionar sete bolsistas de pós graduação e 14 de Iniciação Tecnológica e Industrial, totalizando o valor de R$ 319.200,00 proveniente do CNPq, além da contrapartida financeira e econômica das empresas, que soma R$ 75.000,00.
 
“O MAI/DAI do CNPq busca fortalecer a pesquisa, o empreendedorismo e a inovação nos programas de pós graduação, por meio do envolvimento de estudantes em projetos de interesse do setor empresarial, mediante parceria com empresas”, explica o chefe da Divisão de Apoio à Pesquisa (DAP) da FURB e representante institucional do MAI/DAI, professor Rodrigo Koerich Decker.
 
Para concorrer às bolsas de mestrado é preciso fazer a inscrição no processo seletivo, além de estar regularmente matriculado em um dos programas de pós graduação stricto sensu da FURB, contemplados no edital, no momento da implementação da bolsa. Para concorrer às bolsas de Iniciação Tecnológica e Industrial (ITI) é preciso ser estudante em curso de graduação regularmente matriculado e dispor de 20 horas semanais, distribuídas de acordo com as atividades propostas pelo projeto de pesquisa, entre outros requisitos que estão descritos no edital.
 
“Este programa é de grande importância pois aproxima a indústria e a Universidade para o desenvolvimento científico e tecnológico em áreas estratégicas para o país”, reforça Decker.
 
Publicação: Central Multimídia de Conteúdo/Jornalismo | Texto: | Foto(s): CMC



Painel