Facebook Twitter Imprimir

 

» furb.br/etevi

ENSINO MÉDIO - ETEVI

Na FURB a inovação começa no ensino médio

 
Por meio de ações que contemplam mais de 400 alunos da Etevi - Escola Técnica do Vale do Itajaí - a FURB reforça sua postura inovadora e de vanguarda, integrando o estudante do ensino médio ao ambiente da Universidade. Essa integração se realiza por intermédio da iniciação científica, do acesso às pesquisas, de uma grande variedade de projetos e de ações comunitárias.
 
Só na Etevi o aluno convive com o clima de Universidade, contando com uma estrutura única, atividades extracurriculares, complexo desportivo e aquático, laboratório de informática com serviço de impressão, além de uma conceituada Biblioteca. Tudo isso, porque a Etevi compõe a estrutura física da FURB.
 
Ainda, todas as turmas têm aula de inglês no FURB Idiomas, a escola de língua estrangeira da Universidade, ou seja, a Etevi se coloca como a melhor escolha para se chegar bem preparado à vida universitária e profissional.

 

 

NOSSA HISTÓRIA

Contribuindo com o desenvolvimento do Vale

 
Em 1974, a FURB realizou um estudo sobre a viabilidade da implantação de um curso de qualificação de mão-de-obra para o setor primário. Os resultados foram positivos e evidenciaram a possibilidade de implantação do curso Técnico em Agropecuária.
 
Partindo dessa constatação, foi criada a Escola Técnica de Agropecuária do Vale do Itajaí. Em outubro de 1974, a Cia. Souza Cruz doou à FURB o Campo Experimental, com 86.100 m2, situado no município de Gaspar. O curso Técnico em Agropecuária foi implantado seis anos depois, devido a problemas de ordem financeira. O Campo Experimental foi utilizado para o desenvolvimento das atividades práticas dos alunos: hortaliças, culturas anuais, pecuária e fruticultura.

 

 

Em 1981, a Escola passa a se chamar Escola Técnica do Vale do Itajaí - Etevi e passa por ampliação para atender à demanda da comunidade. No ano de 1986, a Etevi teve seu reconhecimento e foram criados os cursos Técnicos em Eletrônica Digital e Colegial, esse último, equivalente ao ensino médio.
 
Com o desenvolvimento tecnológico do país e a era da informática, o curso Técnico em Agropecuária sofre com a baixa demanda e é desativado em 1990. Logo em seguida, foi criado o curso Técnico em Processamento de Dados, contribuindo para o desenvolvimento tecnológico do Vale do Itajaí, pois ofereceu oportunidades de 
 
 
trabalho e de prestação de serviços a toda comunidade.
 
Profundas mudanças marcam o ano 2000, além de uma nova linha pedagógica, a Escola iniciou um processo de internacionalização para a participação dos alunos em intercâmbios de estudos através de convênios com várias escolas de diversos países. A partir de 2001, a Etevi encerra a oferta de cursos técnicos, permanecendo somente o ensino médio.
 
Atualmente, a Etevi conta com mais de 550 alunos e proporciona o contato direto com o ambiente universitário e de toda a estrutura da FURB.

 

Conheça a infraestrutura
que a Etevi oferece

 


Painel