Facebook Twitter Imprimir

 

» furb.br/ppgea

ENGENHARIA AMBIENTAL 

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO

 


Apresentação

 

O Programa de Pós-Graduação em Engenharia Ambiental – PPGEA da FURB, iniciado em 1998, oferece os cursos de mestrado e de doutorado em Engenharia Ambiental. Na avaliação trienal da CAPES, do período compreendido entre 2010 e 2012, os cursos foram avaliados pela área de Ciências Ambientais tendo recebido a nota 4.
 
O PPGEA tem por objetivo desenvolver estudos aprofundados em ciência ambiental, promovendo a qualificação de profissionais, a formação de docentes e de pesquisadores na área de engenharia ambiental. A atuação encontra-se centrada na área de concentração de Tecnologia e Gestão Ambiental, tendo com base de abordagem o pensamento sistêmico. A atividade interdisciplinar desenvolvida contribui para o avanço das fronteiras da tecnologia e da gestão ambiental, gerando novos conhecimentos e possibilitando o surgimento de um novo profissional, com perfil distinto dos existentes, apoiado em formação básica sólida e integradora.
 
A base de atuação do PPGEA sempre esteve pautada em problemas regionais, inicialmente, associado à ocorrência de enchentes e inundações na bacia do Itajaí. Na sequencia foram incorporadas outras demandas regionais, como a degradação ambiental por resíduos oriundos das atividades industriais, agropecuárias e urbanos.  Recentemente, os projetos de pesquisas desenvolvidos extrapolam as demandas regionais, que continuam a ser abordadas, alcançando o nível estadual, nacional e internacional.
 
Neste contexto vale destacar alguns projetos de pesquisa em desenvolvimento: Tecnologias inovativas para a sustentabilidade do Saneamento básico em Santa Catarina (financiado por FAPESC-PRONEX-CNPq); Tratamento de lodo de indústria têxtil e valorização energética (financiado pela CAPES e CNPq); Inventário Florístico Florestal do Estado de Santa Catarina (financiadas pela FAPESC); Mudanças climáticas e seus efeitos sobre o regime hídrico, eventos hidrológicos extremos e a qualidade das águas no sul do Brasil (financiado pela MCTI,CNPq-FINEP-CT-HIDRO; Sistema de Informações sobre a Biodiversidade Brasileira (SiB-Br) - Coleções Biológicas Coleção Internacional de Culturas de Glomeromycota (financiado pelo CNPq); Programa Cidadania pela Água no Vale do Itajaí (em parceria com organismos regionais) entre outros projetos de pesquisa e extensão.
 
Destaca-se ainda os projetos de cooperação internacional como Swedish-Brazilian eco-innovation cooperation for smart integrated waste management and recycling (desenvolvido em parceria com instituições suecas e brasileiras); Comparison of the precision of different lysimeter types under the environmental conditions of Brazil and Germany (desenvolvido com a UFSM e Helmholtz-Zentrum für Umweltforschung GmbH da Alemanha); Desenvolvimento de estratégias para valoração de biomassa residual oleosa (desenvolvido por instituições brasileiras com a Universidad de Granada, Espanha). 
 

Área de concentração

 
Tecnologia e gestão ambiental.

 


Painel