FURB participa de levantamento sobre prioridades para SC 

FURB participa de levantamento sobre prioridades para SC 


Nesta segunda-feira, 20 de junho, no auditório do Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina (TCE-SC), em Florianópolis, a NSC Comunicação realizou o lançamento do livro-documento SC Ainda Melhor, trabalho elaborado a partir de entrevistas e consultas feitas a entidades representativas do Estado, com a finalidade de contribuir com o debate objetivo na campanha eleitoral e na fixação de metas para o próximo quadriênio.

O trabalho envolveu 50 jornalistas da NSC e a participação de 81 entidades para apontar as prioridades de investimentos e os caminhos para o fortalecimento do Estado nos próximos quatro anos. Os temas foram divididos em cinco eixos: eixo 1 — Investimento em Infraestrutura; eixo 2 — Educação e qualificação de mão de obra; eixo 3 — Ampliar o protagonismo de SC; eixo 4 — Eficiência na gestão e visão de estadista e eixo 5 — Investimento em saúde a longo prazo. 

A reitora da Universidade Regional de Blumenau (FURB), Marcia Sardá Espindola participou como fonte para a elaboração do eixo 2, sobre educação e qualificação de mão de obra. “Destacamos a importância do investimento no ensino superior e nas pesquisas para o desenvolvimento da região e do Estado”, conta a reitora.
O livro que será entregue às entidades e a pré-candidatos nas eleições de 2022 em SC.

sc-ainda-melhor

O evento de lançamento contou com a presença de representantes de entidades ouvidas no levantamento, dos presidentes dos principais poderes do Estado, como Tribunal de Justiça de Santa Catarina, Ministério Público e Assembleia Legislativa, além do TCE. As lideranças ressaltaram a importância do projeto ao reunir prioridades e percepções das principais entidades para a construção do fortalecimento do Estado nos próximos anos.

Também participaram cinco pré-candidatos ao governo de SC nas eleições de 2022: o atual governador Carlos Moisés (Republicanos), Jorginho Mello (PL), Esperidião Amin (PP), Gean Loureiro (União Brasil) e Ralf Zimmer (Pros).