Facebook Twitter Imprimir

EVENTOS


04/06 a 27/06 - Exposição “uÚMǝɹo (nÚMmero)”, por Anderson Devegili

“O ser humano é o único animal que paga para nascer, paga para viver, paga para morrer e que ainda acredita que felicidade é ter dinheiro.” Augusto Branco. 
 
As obras que compõem a série de Xilogravura “uÚMǝɹo (nÚMmero)” tem como objetivo uma reflexão sobre sermos mais ou apenas um número perante a sociedade em que vivemos. A série teve sua gênese com a produção de cinco Autorretratos, onde me questionei qual seria o meu número. Durante o processo criativo identifiquei que não se tratava apenas do meu número e sim do número de todos os seres humanos. Foi onde busquei por pessoas que se tornaram apenas mais um número nas estatísticas de assassinatos no Brasil, como a vereadora Marielle Franco, o capoeirista mestre Moa do Katendê, entre outras pessoas. A série “uÚMǝɹo” está em constante crescimento, pois a cada dia, hora e a cada minuto inúmeras pessoas se tornam apenas mais um número perante a sociedade em que estão inseridas. Ao nascer carregamos conosco o número da gestação: 09 meses, em média. Após nosso nascimento recebemos a numeração de Data e Hora, os mesmos que irão compor nosso primeiro número oficial, a certidão de nascimento. Crescemos e os números em nossas vidas se multiplicam, transformando-se em RG e CPF, até chegar a uma conta bancária. Com o número de nossa conta bancária em mãos já possuímos um breve resumo do nosso futuro, o mesmo que será em Receber, Transferir e Pagar. Com esse propósito, as Xilogravuras são impressas em cupons fiscais, sendo eles bancários ou de estabelecimentos comerciais que foram recolhidos durante o processo de criação da série. Pois sempre que recebia um cupom fiscal, me questionava referente aos números que ali constavam, quais eram seus significados e o porquê estavam ali. 
 
Nascido em Guaramirim no estado de Santa Catarina em 1994. É em Jaraguá do Sul onde inicia no campo da arte através da Dança em 2003, participando de festivais em diferentes cidades do estado de Santa Catarina, como Jaraguá do Sul, Guaramirim, Timbó. Em 2017 se muda para Blumenau, onde iniciou seus estudos acadêmicos em Artes Visuais na Universidade Regional de Blumenau, cidade que reside atualmente. Motivado em suas obras por explorar temáticas da contemporaneidade, que vem sendo discutidas em diferentes espaços, culturais ou não. Investiga as linguagens da visualidade, dentre elas a tridimensionalidade, o desenho, a xilogravura, a pintura e a fotografia para suas produções artísticas. Iniciou sua carreira como Artista Visual participando de exposições na FURB como o Finalizarte e outras atividades artísticas e culturais. 
 
Esta exposição foi contemplada pelo Edital PROPEX 11/2018 de Exposições Temporárias de Arte Visuais Salão Angelim 2019.  
 Abertura da exposição:  04/06 às 20h no Salão Angelim, campus 1 da FURB.  
Período de Visitação: 04/06 a 27/06/2019  
Aberto a toda comunidade.   
Entrada gratuita. 

Data: 04/06 a 27/06
Horário: Segunda a sexta: 7h30 às 21h45 Sábado: 8h às 17h
Local: Câmpus 1 - Salão Angelim - Mapa
Informações: Divisão de Cultura | PROPEX - Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação, Extensão e Cultura | +55 47 3321 0399 | cultura@furb.br
Publicação: Cultura

Outros eventos

Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro


Painel