Facebook Twitter Imprimir

furb.br/biblioteca

BIBLIOTECA

Orgulho regional

 
Uma das maiores bibliotecas do estado com mais de 8 mil m² de espaço físico, a Biblioteca Universitária Professor Martinho Cardoso da Veiga conta com amplo e variado acervo bibliográfico, incluindo desde materiais audiovisuais e obras raras até livros digitais.

 

 

Uma estrutura preparada para o acesso à informação

 

A Biblioteca Universitária Prof. Martinho Cardoso da Veiga conta com a Biblioteca Central, localizada no câmpus 1, e as Bibliotecas Setoriais localizadas, respectivamente, nos câmpus 2 e 3. Sua estrutura compreende:

 
  • Espaços para estudo individual e em grupo.
  • Espaço de literatura infanto-juvenil.
  • Espaço Multimídia.
  • Sistema integrado de Arquivos do Centro de Memória Universitária.
  • Ambientes totalmente climatizados.
  • Rampas de acesso.
  • Elevador.
  • Terminais de consulta.
  • Banheiros adaptados.

 

 

Conhecimento à disposição de toda a comunidade

 
Oficialmente implantada em 28 de abril de 1968, a Biblioteca iniciou suas atividades em uma sala de aula na Escola Júlia Lopes de Almeida. O acervo inicial contava com cerca de 4 mil volumes e se originou de doações particulares, tanto do Serviço de Divulgação e Relações Culturais (USIS) quanto do Prof. Martinho Cardoso da Veiga, homenageado alguns anos mais tarde com seu nome vinculado à Biblioteca Universitária.
A partir disso, a Biblioteca Universitária passou a direcionar sua atenção para o quadro de funcionários, automação e modernização dos serviços e ampliação do atendimento, este último representado pela criação de bibliotecas setoriais ao longo dos anos 90. Nesse mesmo período, Biblioteca passou por um grande momento de modernização, com a eliminação do sistema de fichas e implementação do catálogo online de seu acervo. Com a internet, foi possível aumentar os tipos de buscas de maneira mais eficiente, o que facilitou a pesquisa e localização dos materiais.
 

A primeira sede própria foi estruturada em 1969 no atual Bloco A, câmpus 1 da Universidade Regional de Blumenau. Ao longo da década de 70 com o crescimento do acervo e dos serviços ofertados, a Biblioteca necessitava cada vez mais de espaço físico. Diante disso, o primeiro prédio da atual Biblioteca Central foi inaugurado em 1986 com a intenção principal de ser um centro de conhecimento e cultura, tanto para a comunidade acadêmica como para o público em geral.

 

Nos anos 2000, a Biblioteca buscou, uma vez mais, a ampliação do seu espaço físico. A requisição por maior espaço físico ganhou alento a partir de 2002 quando teve início a obra de ampliação, concluída e inaugurada em 2004 em meio às comemorações dos 40 anos da FURB. A edificação existente foi então remodelada, recebeu elevador, setores e serviços foram adaptados e, a partir de 2005, incorporou em seu espaço físico o Centro de Memória Universitária (CMU), responsável pela gestão arquivística e histórico-museológica da Universidade. Recebeu, também, o Auditório Padre Orlando Maria Murphy com mais de 150 lugares. A partir deste momento, a Biblioteca Universitária atingiu os cerca de oito mil metros quadrados que ainda a caracterizam contemporaneamente.


Painel