Facebook Twitter Imprimir

ARQUIVO DE NOTÍCIAS


18/03/2013 - Professor publica livro sobre São Patrício, padroeiro da Irlanda


São Patrício é um dos santos mais conhecidos do mundo graças às animadas festas realizadas em seu dia, 17 de março. A história do padroeiro da Irlanda, que no Século 5 teria começado a difundir o cristianismo no pequeno país europeu, e sua imagem ao longo dos tempos é tema do livro “São Patrício: A construção da imagem de um santo”, de autoria do professor de História Antiga da Universidade Regional de Blumenau (FURB), Dominique Vieira Coelho dos Santos, lançado este mês pela The Meller Press, de Nova York (EUA).

 
A publicação é resultado da tese de doutorado defendida pelo professor no ano passado pela Universidade Federal de Goiânia. O interesse da editora americana – que por enquanto só imprimiu o livro em Português – surgiu quando Dominique apresentou um artigo em um congresso internacional de estudos célticos, na própria Irlanda, em 2011.
 
Irlandicidade
Para o professor, que também coordena na FURB o Laboratório Blumenauense de Estudos Antigos e Medievais, São Patrício se tornou um símbolo tão grande da Irlanda por dois motivos: além de ser considerado uma espécie de marco do início da história irlandesa (trazendo para o país, além do cristianismo, o latim), ele virou sinônimo da identidade nacional, a “irishness”, que Dominique traduz para “irlandicidade”.
 
No livro, o autor trabalha com documentos de três séculos distintos. Além de analisar duas cartas de São Patrício datadas do Século 5, ele pesquisou o livro “A Vida de São Patrício”, escrita pelo historiador e monge irlandês Muirchu no Século 7, e também o “Tratado do Purgatório de São Patrício”, de H. de Saltrey, que descreve como Jesus Cristo teria revelado ao santo onde ficava, fisicamente, o purgatório. “Até então, o purgatório não existia como um lugar. Acredito que, para impulsionar o cristianismo na Irlanda, tenha-se usado São Patrício para explicar este mito”, analisa Dominique. O livro também revela como a imagem humilde do santo, no Século 5, foi transformada 200 anos depois em um símbolo de poder, um mago poderoso, ou “o druida de Cristo”, como resume o professor.
 
Dominique também traduziu a confissão de São Patrício para a Língua Portuguesa. O texto pode ser acessado em www.confessio.ie. O professor estuda a vida de São Patrício desde a graduação em História.
 
O livro “São Patrício: A construção da imagem de um santo” deve estar disponível para empréstimo na Biblioteca Universitária da FURB ainda neste mês.
Publicação: 18/03/2013 - Coordenadoria de Comunicação e Marketing | Texto: Leo Laps | Foto(s): Reprodução/The Meller Press

Março/2013 (alterar)

31/03/2013 28/03/2013 27/03/2013 26/03/2013 25/03/2013 22/03/2013 21/03/2013 20/03/2013 19/03/2013 18/03/2013 15/03/2013 14/03/2013 13/03/2013 12/03/2013 11/03/2013 08/03/2013 07/03/2013 06/03/2013 05/03/2013 04/03/2013 01/03/2013


Painel